Praça Marechal Floriano Peixotto
Processo: 31B/2001

Construído na década de 1920 por Júlio Bittencourt, foi residência de Sr. Flávio Carvalho Guimarães e posteriormente do Sr. José Teodoro Miró Guimarães.

Durante a gestão do Prefeito Amadeu Puppi, esteve instalado no local o Arquivo Municipal Permanente. Ficou no referido imóvel o Bar Asa Branca administrado pelo Sr. Mauro Lieber, que também residiu na casa desde 1980.

Júlio Bittencourt era neto de Manoel Vicente Bittencourt, o primeiro prefeito eleito de Ponta Grossa. A partir de 1920 juntamente com seu pai e o irmão formaram firma F. Bittencourt e Filhos, sucessora da Casa Bittencourt, fundada em 1870 por seu avô.

Flávio Carvalho Guimarães nasceu em Ponta Grossa em 1891. Formado em Direito, iniciou sua vida pública em 1917 como inspetor escolar. Mas tarde foi Presidente do Tribunal Revolucionário de 1930; membro do conselho Administrativo do Estado nomeado pelo Governo Federal; Secretário de Estado dos Negócios da Fazenda no governo Manoel Ribas e Senador da República, de 1935 a 1946.

Casado com Ana Miró Guimarães, teve filhos: Eunice Miró Guimarães, José Teodoro Miró Guimarães e Plauto Miró Guimarães.