Nas quartas feiras, a cada 15 dias, o Departamento de Patrimônio Cultural, no primeiro pavimento da Mansão Villa Hilda se transforma em reunião de família: um monte de de bons causos, mesa farta de guloseimas*, boas risadas e a produção de documentos importantes para manter viva a memória da cidade. Cada encontro recebe um tema específico, e os convidados podem discorrer livremente sobre o assunto, enquanto uma equipe atenta realiza fotografias, digitaliza documentos, filma e anota tudo, pra que não se perca nenhum pedaço da história.

Povos Indígenas falam da cultura Kaigangue e Guarany em Ponta Grossa.
Alcatra no Espeto, prato típico de Ponta Grossa já foi tema de Café com Bons causos

AGENDA

09/10 Alcatra no espeto: Zancanaro X Expedicionário do Cogo
23/10 Povos e culturas indígenas em Ponta Grossa
06/11 Casa do Divino
20/11 Tropeiros e seus caminhos
04/12 Lojas mais antigas da cidade
18/12 Radialistas


*café com bons causos é um projeto que não utiliza recursos da administração pública, sendo mantido com recursos próprios da equipe de funcionários.